top of page
  • Foto do escritorViver Alternativo

O Ano Novo em Setembro



E o mês de Setembro chegou e com ele o fim das férias e o retomar de toda uma rotina escolar, que confesso já faz falta cá em casa.


Desde que tenho filhos, principalmente desde que começaram a frequentar a escola, que o Setembro ganhou um sabor diferente, e parece que tomo mais decisões e resoluções nesta altura do que propriamente na viragem do ano.


Isto porque, mexe com horários, com rotinas, com processos do dia-a-dia, ir por, ir buscar, preparar refeições, planear montanhas de coisas. E apesar de ser cansativo não tenho como não dizer: eu adoro a rotina.


A rotina traz segurança, sabemos o que vamos fazer, o que temos a seguir, é um indicador para todos nos sentirmos bem e confortáveis com as nossas funções e tarefas.


A minha fiel agenda anda sempre comigo e ajuda tanto, continuo a ser uma pessoa que gosta de agenda de papel, não há volta a dar. E onde aponto tudo, tudo, tudo!!



O meu mais velho vai para a terceira classe, ainda não teve um ano letivo "normal", que decorresse normalmente todo o ano, fruto da pandemia. Este ano também começa o Inglês e depois as atividades.


O mais novo continua no pré-escolar, em escolas diferentes, com horários diferentes. Não é fantástico para mim? Principalmente, porque enquanto puder eles fazem todas as refeições em casa, e para o Alexandre tem mesmo de ser, dieta sem lacticínios e sem glúten, as escolas não estão preparadas para isso.


Gosto de inícios e de reinícios e quero muito acreditar que vai correr tudo bem, e para todos, todos os regressos que esta altura do ano têm inerentes.


Faço listas, muitas listas, se não sei ir às compras sem lista imaginem agora, com materiais escolares para dois, reuniões de dois, e sou perfeccionista nestas coisas. É de mim, nada a fazer.


Mas encaro cada recomeço com ânimo e energia, com expetativas e energias renovadas, que vai correr tudo bem, e que faz tanta falta para eles, e para nós!


Não seria pedir ou esperar muito que eu também pudesse ter um recomeço a nível laboral, mas não depende só de mim, veremos o que o futuro me guarda. Eu estou a fazer a minha parte.


E basicamente, é muito isto:


22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page